Author Archive: admin

XXXIX Jornadas Portuguesas de Genética

jornadas_portuguesas_de_genetica

25 a 27 de Maio de 2015

Local: no Campus de Gualtar, Universidade do Minho, Braga

Organização está a cargo: Centro de Biologia Molecular e Ambiental.

Inscrições e submissão de resumos: até dia 1 de Abril

Este encontro reveste-se de particular interesse para todos aqueles que se dedicam ao estudo e à investigação da Genética, nas mais diversas vertentes, trazendo à discussão temas da maior atualidade. Como tem sido tradição, também nesta edição iremos promover um ambiente científico acolhedor, onde os mais jovens têm oportunidade de apresentar os seus trabalhos, os quais irão ser distinguidos com o Prémio Prof. Doutor Amândio Sampaio Tavares (melhor apresentação oral, patrocinado pela empresa CGC-Centro de Genética Clínica e Patologia SA) e o Prémio Prof. Doutor Luís Archer (melhor apresentação em painel, patrocinado pela Sociedade Portuguesa de Genética).

Saber mais >

Comunicado – Registo como entidade certificadora para o reconhecimento da qualificação profissional dos seus membros no Sistema de Informação do Mercado Interno (IMI) da Comissão Europeia

logotipo_ordembiologos

Vimos por este meio informar que a Ordem dos Biólogos se encontra registada como entidade certificadora para o reconhecimento da qualificação profissional dos seus membros no Sistema de Informação do Mercado Interno (IMI) da Comissão Europeia.

O IMI foi desenvolvido pela Comissão Europeia, em conjunto com os Estados-Membros da União Europeia, para acelerar a cooperação administrativa a nível transfronteiriço. O IMI é utilizado em todos os Estados-Membros do Espaço Económico Europeu, para a cooperação administrativa prevista, entre outras, na Diretiva relativa ao reconhecimento das qualificações profissionais (2005/36/CE).

A partir de agora qualquer profissional inscrito na Ordem dos Biólogos passa a ter as suas qualificações profissionais reconhecidas na Comunidade Europeia através deste processo. Assim, sempre que um profissional da Ordem dos Biólogos pretender trabalhar num país da Comunidade Europeia, a Ordem será consultada oficialmente através da plataforma IMI pelo país de acolhimento, para que confirme/ateste a qualificação desse profissional.

Trata-se, assim, de mais um passo para a valorização dos profissionais de ciências da vida em Portugal e agora também no espaço europeu.

Para obter mais informação consultar o página:
http://ec.europa.eu/internal_market/imi-net/

Comunicado – Regulamentação do licenciamento e funcionamento das unidades de saúde que desenvolvem atividades de Análises Clínicas

Estimados colegas,

A Ordem dos Biólogos, vem por este meio informar que, a 21 de Agosto de 2014, foram publicadas em Diário da República as Portarias que regulam o licenciamento e funcionamento das unidades de saúde que desenvolvem atividades de Análises Clínicas (Portaria n.º 166/2014. D.R. n.º 160, Série I de 2014-08-21), Genética Médica (Portaria n.º 167/2014. D.R. n.º 160, Série I de 2014-08-21) e Anatomia Patologia (Portaria n.º 165/2014. D.R. n.º 165, Série I de 2014-08-21). A sua publicação vem possibilitar a aplicação plena em Portugal da “Diretiva 2011/24/UE do Parlamento Europeu e do Conselho de 9 de Março de 2011” relativa ao exercício dos direitos dos doentes em matéria de cuidados de saúde transfronteiriços, e assim a harmonização dos requisitos de licenciamento destas unidades de saúde.

Para mais informações, clique AQUI.

ISG Business & Economics School e Ordem dos Biólogos assinam um Protocolo na área da Economia Verde e Sustentabilidade

OBio_ISG_CIGEST

Lisboa, 12 de Julho de 2012 – O ISG Business & Economics School, através do seu centro de investigação CIGEST e a Ordem dos Biólogos, representados respectivamente por Dr. Carlos Fernando Vieira, Administrador Delegado do ISG e Doutor António Domingos Abreu, Bastonário da OBio, assinaram um protocolo de cooperação no âmbito do desenvolvimento conjunto de programas, eventos e cursos avançados que proporcionem três aspectos fundamentais: a hibridação e conhecimentos entre a ecologia e a economia sob a forma de economia verde, a transferência bilateral de conhecimentos avançados entre as duas partes de forma a complementar capacidades em áreas como a biotecnologia, energia, ambiente, saúde e gestão de projectos e melhorar a capacidade de resposta à crise em termos de falta de desenvolvimento de projectos bio-empreendedores dos graduados e pós-graduados quer em ciências biológicas e ambientais como sociais, económicas e empresariais.

Mais informações, consulte o Press Release AQUI.