Quem são os vencedores do Nobel da Medicina de 2020?

Dois Biólogos e um médico foram esta segunda-feira 5 de Outubro de 2020, anunciados como os vencedores do Nobel de medicina ou fisiologia, pelo trabalho que conduziu à descoberta do vírus da hepatite C, há 31 anos!
O vírus foi descoberto em 1989 graças a técnicas de biologia molecular. Como este vírus nunca foi conclusivamente observado ao microscópio electrónico, o conhecimento da sua existência baseia-se na clonagem do seu material genético. (Leia mais aqui sobre a descoberta do vírus)

Harvey J. Alter

Médico, nasceu em 1935 em Nova Iorque. Licenciou-se em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de Rochester e em medicina interna no Memorial Hospital e nos Hospitais Universitários de Seattle.
Em 1961, ingressou nos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) como associado clínico. Passou vários anos na Universidade de Georgetown antes de regressar ao NIH em 1969 para trabalhar no Departamento de Medicina Transfusioni do Centro Clínico como investigador sénior.

Michael Houghton

Biólogo, nasceu em 1949 no Reino Unido. Doutorou-se em 1977 pelo King’s College London. Ingressou na G.D. Searle & Company antes de se mudar para a Chiron Corporation, Emeryville, Califórnia, em 1982. Mudou-se para a Universidade de Alberta em 2010 e é actualmente presidente de investigação de excelência do Canadá, em Virologia, e professor de Virologia Li Ka Shing na Universidade de Alberta, onde é também Director do Instituto de Virologia Aplicada Li Ka Shing.

Charles M. Rice

Biólogo, nasceu em 1952 em Sacramento. Doutorou-se em 1981 pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia, onde também trabalhou como pós-doutorado entre 1981 e 1985. Fundou o seu grupo de investigação na Washington University School of Medicine, St Louis em 1986 e tornou-se professor catedrático em 1995. Desde 2001 é professor na Universidade Rockefeller, Nova Iorque. Entre 2001 e 2018 foi Director Científico e Executivo, Centro de Estudos da Hepatite C na Universidade Rockefeller, onde permanece no activo.